• Emancipa Araçatuba

Saúde Coletiva e Periferias são tema de curso ofertado pela Universidade Emancipa e parceiros

Ação reúne movimentos sociais, educadores populares e mais de 20 universidades brasileiras e estrangeiras.



Entre os dias 4 de maio e 8 de junho, será ofertado o curso de extensão "Saúde Coletiva e Periferias", promovido pela parceria entre a Universidade Emancipa, a plataforma InformaSUS da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e a Universidade Federal do Rio de Janeiro, além de outras 20 universidades do país e do exterior. A iniciativa é gratuita, aberta a todo público e as atividades serão realizadas totalmente online. Os participantes inscritos receberão certificado emitido pela UFSCar.

O objetivo do curso é pensar a saúde coletiva no contexto da pandemia pelas lentes das lutas sociais que estão na base da organização dos movimentos sociais e de pesquisadores, tanto em sua ação prática quanto na formação dos saberes sobre o passado e o presente da realidade brasileira e global. “A iniciativa vai ao encontro das lutas populares pela afirmação da vida em um contexto de múltiplas crises, da sanitária à crise política, social, econômica e ambiental”, assinala a professora Thais Florencio de Aguiar, que junto com Daniela Mussi, ambas professoras do Departamento de Ciência Política (IFCS/UFRJ), coordenam a parceria na UFRJ.


Serão discutidos os seguintes temas: Lutas urbanas e periféricas pela saúde; Lutas dos povos originários, águas, campo e floresta pela saúde; Modos de viver e amar: LGBTTQIA+ em luta pela saúde; Lutas antirracistas pela saúde; Lutas feministas pela saúde; e Lutas das populações privadas de liberdade pela saúde.

O curso já tem a confirmação de participação de grandes nomes de pesquisadores e lideranças comunitárias, tais como: Débora Diniz, Amanda Palha, Mazé Morais, Luana Alves, Andréa Beatriz Silva dos Santos, Cristina Quirino, Karla Recife, Dais Rocha, Sarah Marques, Wendreo Souza, Raquel Rigotto, Daniele Elias dos Santos, Antonia Cariongo, Joanna Ziller, Rosana Batista Cordeiro e Maria Tereza dos Santos.


As atividades do curso consistem em seis encontros online, transmitidos pelo canal do Youtube da Rede Emancipa, sempre às terças-feiras, às 19 horas, com início no dia 4 de maio. Entre os encontros do curso, haverá sessões de Conversas Abertas, ofertadas aos inscritos, como espaços interativos para discussão de temas do curso e organização de iniciativas de educação popular. Todos os inscritos serão organizados em "turmas" por aplicativo de mensagem para ampliar a participação e o diálogo.

A transmissão dos encontros é aberta ao público e, assim como o conteúdo das Conversas Abertas, também ficará disponível para acesso no canal da Rede Emancipa e do InformaSUS de forma pública. No entanto, somente os participantes inscritos receberão o certificado.


Inscrições


O período de inscrições para o curso de extensão "Saúde Coletiva e Periferias" estará aberto entre 26 de março e 8 de junho. Mesmo com os encontros já em andamento, os interessados ainda poderão se inscrever para receber o certificado de 30 horas, emitido pela UFSCar. A atividade é gratuita e aberta ao público, especialmente a lideranças de movimentos sociais, pessoas de grupos sociais periféricos, pessoas interessadas nas temáticas abordadas no curso, estudantes dos ensinos Médio e Superior, pós-graduandos, docentes e técnicos.

As inscrições devem ser feitas no site do curso (www.informasus.ufscar.br/curso-saude-coletiva-e-periferias), que também reúne a programação completa e outras informações sobre a atividade. A expectativa da organização é receber cerca de 10 mil inscrições.